Os estragos da chuva em Assis

Há alguns anos, a cidade de Assis não enfrentava uma chuva tão forte como a verificada na tarde desta quarta-feira, dia 4, de janeiro. A chuva durou pouco mais de uma hora.

Os estragos ainda podem ser vistos em vários pontos da cidade, ruas completamente esburacadas, árvores caídas, crateras abertas e carros ainda parados após terem sido inundados, principalmente nas imediações da Prefeitura Municipal e Câmara Municipal.

No túnel sob a linha férrea que liga à vila Operária à vila Xavier, um ônibus do transporte coletivo não conseguiu passar pela região alegada. Passageiros, vendo a água subir, chegar a pedir por socorro.

Minutos depois, quando a chuva diminuiu e a água baixou, foi possível retirar o veículo.

 

 

chuva 1

Na região central da cidade, perto da Prefeitura Municipal de Assis, na Doutora Ana Barbosa, entre as ruas Antônio Vieira Dias e Sebastião da Silva Leite, a quantidade de buracos abertos na via e os carros danificados impressiona.

chuva 2

O maior problema foi registrado na avenida Perimetral, num trecho que passa sob o córrego do Jacu, nas imediações da Câmara Municipal. A região ficou toda alagada. Quando a água baixou, uma enorme cratera rompeu a vida em toda a sua extensão. Um carro, modelo pickup, foi tragado pelas águas. Não se sabe ainda se havia alguém no seu interior ou se o ocupante conseguiu escapar. Até por volta das 20h30, os bombeiros continuavam trabalhando nas imediações para ver se localizam ou resgatam alguma pessoa.

chuva 3

O prefeito José Aparecido Fernandes e o vice-prefeito Márcio Veterinário estiveram no local e gravaram um vídeo, publicado nas redes sociais, dizendo que equipes da Prefeitura já trabalhavam para interditar e sinalizar a área para que os motoristas evitassem chegar até o trecho atingido pela inundação que abriu uma enorme cratera. Corpo de Bombeiros, funcionários da Sabesp e equipes da concessionária de energia elétrica também foram para o local.

 

chuva 5 zé

A rodovia Raposo Tavares também foi atingida pelas fortes chuvas e provocou pânico em alguns motoristas que tiveram problemas quando passaram pelo Km 447 da SP-270, rodovia Raposo Tavares. O problema maior foi sob um pontilhão que liga à rodovia a estradas em direção a Presidente Prudente e Paraguaçu Paulista. O radialista Marllon Vasiulis Polsaque registrou algumas imagens.

chuva 4

 

 

Veja também

A124 – Sepultamentos em Assis neste dia 22 de maio

Há dois sepultamentos programados para esta quarta-feira, dia 22 de maio, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta