113 – EXCLUSIVO – Presidente da CPI defende prisão de empresário que agrediu autor de denúncias contra diretores da FEMA

1263 sirchia

Fernando Sirchia durante sessão da Câmara Municipal

Reprodução TV Câmara

O vereador Fernando Sirchia (foto), do PDT  -mesmo partido do prefeito José Fernandes-, espera que a Justiça decrete a prisão preventiva do sócio da empresa Progetto, Reinaldo Silva, acusado de ter agredido o advogado Karol Tedesque da Cunha, autor de uma Ação Popular pedindo o afastamento dos diretores da FEMA.

Sirchia é o presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito que apura denúncias de irregularidades na instituição de ensino e disse que a agressão representa ‘coação no processo’.

“Agora, essa agressão. Vias de fato. No curso de um processo, é completamente inaceitável. Isso é coação no curso do processo. Isso é motivo para prisão preventiva. E é isso que a gente espera da Justiça”, discursou.

Procurado pelo Jornal da Segunda, o advogado do empresário acusado da agressão preferiu não se manifestar neste momento.

Leia a matéria completa na edição impressa do Jornal da Segunda, que está sendo entregue aos assinantes e disponibilizado nas bancas na manhã deste sábado.

 

capa 1263

Edição impressa Jornal da Segunda 

Reprodução

Check Also

A041 – Sepultamentos na região neste dia 17 de abril

Não há sepultamento programado para esta quarta-feira, dia 17 de abril, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta