Polícia Ambiental e Ministério Público divulgam números da Operação Huracán

Na manhã desta quinta-feira, dia 13 de maio, o comando da Polícia Militar Ambiental e representantes do Ministério Público do Estado de São Paulo apresentaram os números da Operação Huracán, realizada entre os dias 10 e 12 de maio, em todo o estado de São Paulo.

A ação desencadeada contou com a atuação direta de aproximadamente 500 profissionais da Segurança Pública, promotores de Justiça e GAEMA – Grupo de Atuação Especial ao Meio Ambiente.

“O objetivo foi a prevenção dos focos de incêndio em vegetações e, consequentemente, a minimização dos impactos que estes incidentes acarretam à saúde da população”, explicou o promotor de Justiça e representante do GAEMA, Luís Fernando Rocha.

Os números mostram que, nos três dias da Operação, foram vistoriadas 824 propriedades rurais. “Nessas áreas, orientamos os responsáveis quanto às medidas de prevenção, como a manutenção dos aceiros nos canaviais e os planos de prevenção contra incêndio”, explica Rocha.

Policiais e promotores percorreram 5.572 quilômetros de aceiros e 5.340 quilômetros de margens de rodovias, chamadas faixas de domínio, e as zonas de amortecimento de unidades de conservação.

O comando da Polícia Ambiental informa que “as ações conjuntas seguirão durante todo período de estiagem com previsão de término no mês de outubro”, diz nota encaminhada à imprensa.

13 maio huracan
Números da Operação Huracán

Veja também

A111 – Vereador pede cancelamento de torneio de pesca após derramamento de esgoto em lago

Na manhã de quinta- feira, dia 16 de maio, atendendo solicitação de moradores da vila …

Deixe uma resposta