Sindicato questiona interesse do Governo em privatizar a C.E.F.

Uma carta aberta ao presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, foi entregue na semana passada pelos empregados da instituição financeira, hoje 100% pública. Os trabalhadores questionam o interesse do Governo em privatizar o banco que completou 158 anos de história em janeiro.

A defesa do banco público de qualidade é uma bandeira histórica do movimento sindical bancário. O Sindicato dos Bancários de Assis e região segue na luta pela manutenção dos bancos públicos, não só pela garantia dos empregos, mas também pelo papel que essas instituições desempenham na economia e nos programas sociais do país.

“Já enfrentamos inúmeras tentativas de transferir o patrimônio do povo brasileiro aos bancos privados. E resistimos a todas elas porque o desenvolvimento do Brasil e a Caixa são duas faces da mesma moeda. A Caixa é o banco da casa própria, porque é responsável por quase 70% do crédito habitacional total e por 90% do crédito para habitação popular de baixa renda”, ressalta o diretor do Sindicato, Fábio Escobar.

“A Caixa é o banco do trabalhador: paga o Seguro-Desemprego, o Abono-Salarial e o PIS, entre outros benefícios. A Caixa é o banco da poupança: milhares de brasileiros poupam na Caixa porque sabem que podem confiar em um banco público, forte e social. É o banco da infraestrutura e o único que leva saneamento básico, energia e infraestrutura urbana aos municípios mais distantes, ao financiar investimentos nesses setores”, destaca.

“O Sindicato questiona o ‘por que’ de se privatizar um banco que é responsável não só pela distribuição de renda, mas também pelo financiamento do crescimento do Brasil, através de incentivos de crédito a micro e pequenas empresas, que são as maiores geradoras de empregos no país. Quem realmente ganha com a privatização são os bancos privados e os grandes investidores internacionais,” aponta.

bancarios fábio

Fábio Escobar do Sindicato dos Bancários

Texto e foto: Ello Assessoria de Imprensa

Veja também

A105 – Avança o processo de cassação do prefeito José Fernandes na Câmara

Na sexta-feira, dia 10 de maio, os membros da Comissão Processante instalada na Câmara de …

Deixe uma resposta