V.O. desfila neste sábado no próprio bairro, às 20 horas

Sem recursos públicos, mas contando com dinheiro arrecadado em promoções realizadas ao longo do ano e ajuda de empresários, a Escola de Samba Unidos da Vila Operária se apresenta neste sábado, a partir das 20h30, na avenida Siqueira Campos.

A concentração dos foliões acontece na esquina da rua André Perine e o cortejo seguirá da rua Padre Jorge Frezine até o barracão da agremiação, na rua Tibiriçá.

Um dos pontos altos do desfile deve acontecer na praça, em frente a igreja Matriz do bairro.

De acordo com o vice-presidente da Unidos da V.O. advogado Sérgio Frederico, a escola deve se apresentar com aproximadamente 180 figurantes, divididos em seis alas, além da tradicional bateria comandada pelo mestre Silvinho Bermejo.

O enredo “V.O.: uma jovem senhora de 40 anos”, de autoria de Léo Ladislau, Gibão e Kita Amorim, será interpretado pelos músicos José Corrêa, Marcos Paiva e Vivi Lameu, com acompanhamento de João Baiano (violão de sete cordas) e João Carlos ‘Corina (banjo).

O carnavalesco Audálio Duarte garante que, apesar da limitação de recursos financeiros, foi possível produzir bonitas fantasias e alegorias que, segundo ele ‘estão quase prontas’.

O desfile da Unidos da Vila Operária termina no barracão da escola, onde antigos sambas de enredo e marchinhas de salão serão executados para animar os foliões. No local, serão vendidos espetinhos e bebidas. Todo dinheiro será usado para pagar as despesas do desfile.

A diretoria sinalizou uma ampla área, ao lado do barracão, para estacionamento de veículos aos motoristas que comparecerem a festa.

21 fev ensaio

Bateria tem atraído grande público nos ensaios

joão baiano

João Baiano, Vivi Lameu, Corina e Zé Corrêa durante ensaio

trajeto oficial

Trajeto a ser percorrido pela V.O.

Check Also

A032 – Morre Pancho Massagista

Morreu em sua residência, no Jardim Paraná, na madrugada desta quarta-feira, dia 10 de abril, …

Deixe uma resposta