Home / DESTAQUE / Operação ‘Abate’ apreende dezenas de armas e liberta quase 200 animais e aves
08 dezembro abate

Operação ‘Abate’ apreende dezenas de armas e liberta quase 200 animais e aves

No final da tarde desta terça-feira, dia 7 de dezembro, a Polícia Militar Ambiental e Ministério Público de São divulgaram uma nota è imprensa informando os resultados da Operação ‘Abate’, realizada nos dias 6 e 7 e que visou o combate aos crimes de caça em todo o estado. Dezenas de armas foram apreendidas e quase duas centenas de animais e aves foram resgatados e libertados.

O objetivo da operação conjunta, segundo o promotor de Justiça Luís Fernando Rocha, foi “retirar de circulação armas de fogo que são usadas na caça de animais silvestres”, explicou.

O armamento, de acordo com o representante do Ministério Público, “também pode se tornar uma ameaça à segurança das pessoas, quando utilizadas em roubos e outros crimes comuns”. Rocha contou ainda terem sido alvos da operação armadilhas e petrechos em locais alvo de denúncias de caça ilegal.

“Foram destaques da operação a apreensão de armas e munições em diversas regiões, inclusive de uso restrito como a de calibre .762, em Presidente Venceslau. A apreensão de 13 quilos de carne de animais silvestres abatidos na região de Araçatuba e a prisão de um traficante de animais em Araraquara, flagrado transportando 119 animais silvestres em condições de maus-tratos, entre eles 18 araras-canindé – ameaçadas de extinção”, resume uma nota encaminhada à imprensa para informar resultados da operação ‘Abate’.

“A proteção à nossa fauna deve acontecer todos os dias, seja também um cidadão protetor – junte-se a nós! Denuncie através do aplicativo Denúncia Ambiente”, pedem os representantes do Ministério Público e Polícia Ambiental.

08 dezembro abate

Números da Operação ‘Abate’

Veja Também

22 maio assisense

No Tonicão, Assisense tenta primeira vitória na Segundona

Após o ótimo resultado conquistado em Presidente Prudente, na semana passada, quando empatou com o ...

Deixe uma resposta