De olho em 2024, Cachorrão deve recusar secretaria oferecida pelo prefeito

Cotado para disputar a Prefeitura de Assis em 2024, o vereador Alexandre Cobra Vêncio, o ‘Cachorrão’, do PDT, deve recusar o convite do prefeito José Fernandes, do PDT, para ser secretário municipal de Empreendedorismo.

Caso Alexandre aceitasse o convite, a secretaria seria criada através de lei encaminhada à Câmara Municipal.

Ao convidar Alexandre ‘Cachorrão’ para assumir uma secretaria, Fernandes poderia acertar dois alvos com uma flechada só.

Ele voltaria a ter maioria no Legislativo, com a posse de suplente Claudecir Rodrigues Martins, o ‘Gordinho da Farmácia’ e teria votos suficientes para conseguir aprovar projetos como: taxa do lixo, empréstimo para pavimentação e construção de um anel viário e o aumento do percentual de contribuição previdenciária dos servidores.

Além de maioria na Câmara, Fernandes poderia ter ‘Cachorrão’ como aliado na chapa apoiada por ele em 2026 para tentar eleger seu sucessor.

Mas, nesse momento, os dois objetivos de Fernandes naufragaram.

PRESIDÊNCIA – Com a recusa de Alexandre ‘Cachorrão’ para ser secretário municipal, o G-8 – grupo de oito vereadores- se fortalece para manter a independência com o Executivo e preservar a presidência da Câmara Municipal.

Como surgiu um impasse no G-8 para a disputa da principal cadeira do Legislativo, Alexandre ‘Cachorrão’ pode aceitar o convite para voltar à presidência, o que lhe daria maior visibilidade para a disputa de prefeito em 2024.

O impasse surgiu em razão de os vereadores Viviane Del Massa e Gerson Alves pretenderem o cargo, mas, segundo um outro vereador do G-8 ouvido pelo JS sob condição do anonimato, “há divergências insuperáveis” entre eles, que não votariam um no outro.

Se o grupo independente dividir os votos, o G-7 (grupo de aliados do prefeito) emplacaria o presidente.

Sabendo disso, Fernandes chegou até a sondar a possibilidade de seu grupo apoiar Viviane Martins, mas houve resistência.

Outra alternativa, vista com reserva entre alguns vereadores, seria a reeleição do delegado Luis Ramão. A recondução é permitido após recente mudança no Regimento Interno da Câmara Municipal, mas a proposta não é bem digerida por alguns parlamentares.

1242 cachorrão

Cachorrão pode reassumir a presidência da Câmara

Imagem: Divulgação CMA

Check Also

A034 – Dois sepultamentos em Assis neste dia 12 de abril

Há dois sepultamentos programados para esta sexta-feira, dia 12 de abril, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta