Com mega carreata, professores protestam contra a volta das aulas presenciais

A reação é grande entre os professores, principalmente da rede municipal de ensino, à decisão judicial que determina o retorno das aulas presenciais na cidade de Assis a partir da próxima segunda-feira, dia 17 de maio.

Contrários, e com receio de que a medida coloque em risco a saúde dos trabalhadores da educação, alunos e seus familiares nesse momento da pandemia da COVID-19, os professores realizam uma mega carreata na manhã deste sábado para denunciar que ‘Escola sem vacina é chacina’.

No início da manhã, por volta das 8h30, centenas de veículos já estavam se posicionando para o protesto contra o retorno das aulas presenciais no município. “Educação é direito da criança, saúde é direito de todos! Nós, profissionais da educação de Assis, pedimos a ajuda de todos para derrubarmos a liminar que obriga a abertura das escolas, em meio ao pior período da pandemia”, anunciam os educadores.

Os professores explicam que suas motivações são diversas: “Falta de EPI de qualidade, porcentagem baixíssima de vacinação dos profissionais da educação, falta de testagem e incapacidade do sistema de saúde para suprir as demandas de possíveis surtos de contaminação originados no ambiente escolar”, são alguns dos fatores.

Os representantes dos educadores têm apresentado alguns questionamentos sobre a recente decisão judicial: “Indagamos se a estrutura de atendimento terá leitos suficientes para o atendimento devido aos profissionais da educação, outros profissionais impactados (alimentação, transporte), crianças e seus familiares, todos envolvidos diretamente nos desdobramentos dessa precipitada decisão”, acusam.

Para os educadores contrários ao retorno das aulas presenciais “erroneamente é propagada a desinformação de que estamos ganhando sem fazer nada. Os professores têm feito de tudo para garantir a aprendizagem, conjuntamente com os setores de apoio e gestão, que continuam trabalhando presencialmente na oferta de alimentos, materiais impressos, matrículas e afins”, se defendem.

Apelando para que sejam ouvidos, os professores elaboraram uma petição virtual com o título “Escola sem Vacina é Chacina”. Eles pretendem arrecadar assinaturas contra a volta às aulas.

15 maio carreata

Veículos posicionados para a mega carreata

Check Also

A037 – Sepultamentos em Assis neste dia 14 de abril

Há três sepultamentos programados para esta domingo, dia 14 de abril, no Cemitério Municipal da …

Deixe uma resposta